Novas receitas

Melhores restaurantes de rede 24 horas da América

Melhores restaurantes de rede 24 horas da América



We are searching data for your request:

Forums and discussions:
Manuals and reference books:
Data from registers:
Wait the end of the search in all databases.
Upon completion, a link will appear to access the found materials.

Quando você precisa comer às 3 da manhã, esses lugares estão aqui para você

Muitos locais do IHOP estão abertos 24 horas.

Estar com fome nunca é fácil. Por este motivo, somos muito gratos por 24 horas rede de restaurantes existem, e estes são os 10 melhores.

Os 10 melhores restaurantes de rede 24 horas (apresentação de slides)

Pode ser complicado tentar localizar um lugar para comer, digamos, três da manhã. Dirigindo por quase qualquer lugar na América àquela hora, as chances de encontrar nada que está aberto são quase nulas. Além de alguns comensais, muito poucos restaurantes de propriedade independente permanecem abertos 24 horas por dia, simplesmente porque é caro manter os funcionários trabalhando durante a noite, quando pode muito bem não haver clientes para atender. Mas as redes de restaurantes geralmente têm bolsos mais fundos do que os independentes, então alguns deles vão além do seu dever e permanecem abertos 24 horas por dia.

Infelizmente, apenas algumas redes de restaurantes permanecem abertas 24 horas por dia, sete dias por semana. A maioria das redes faz uma análise de custo-benefício de local para local para ver quais têm menos probabilidade de perder dinheiro por permanecerem abertas o tempo todo, portanto, apenas uma porcentagem delas estará aberta 24 horas por dia, 7 dias por semana. Alguns postos avançados de cadeias de restaurantes só ficam abertos 24 horas nos fins de semana, quando o movimento noturno é decididamente maior.

Para determinar quais cadeias de 24 horas são as melhores, usamos alguns fatores. Primeiro, as redes que funcionavam 24 horas por dia, 7 dias por semana, em todos os locais, definitivamente ganhavam alguns pontos extras. Em segundo lugar, prestamos atenção especial aos restaurantes de serviço completo, onde você receberá o mesmo tratamento (e o mesmo menu) no meio da noite que receberia às 19h. Mesmo que você seja o único cliente, e seja madrugada, você deve ter a expectativa razoável de uma experiência de qualidade.

Observamos quais cadeias mantêm todos os seus locais abertos 24 horas por dia, 7 dias por semana, mas quanto ao resto, certifique-se de ligar com antecedência para ver se o posto avançado mais próximo estará aberto, porque não há nada mais decepcionante do que puxar para cima para obter sua dose de madrugada e aprender que você não pode ter isso.


Cadeias alimentares regionais favoritas da América, de acordo com College Kids Around the U.S.

Eu perguntei e você respondeu. Depois de fazer uma pesquisa com vários alunos da minha escola (Universidade de Boston), bem como perguntar sobre a rede de membros da Spoon, uma lista das melhores cadeias alimentares regionais da América foi compilada. Dê uma olhada e veja se o seu favorito da cidade está na lista.

*Em nenhuma ordem particular.

Whataburger

Foto cedida por @whataburger no Instagram

Localizada principalmente na metade sul dos Estados Unidos, a Whataburger é uma rede que começou na década de 1950 que serve hambúrgueres, batatas fritas, shakes e similares.

Dentro e fora

Foto cedida por @ stefgram17 no Instagram

O lugar de In-N-Out nesta lista com certeza era esperado. Este favorito da costa oeste serve hambúrgueres e batatas fritas que os nativos adoram (e que as montanhas-russas estão definitivamente ansiosas para experimentar).

Foto cedida por @wawa no Instagram

Embora Wawa não seja exatamente um restaurante, seu nome foi submetido à minha pesquisa várias vezes, e como um nativo de South Jersey, eu entendo perfeitamente o porquê. Localizado principalmente na Pensilvânia e em Nova Jersey, Wawa serve sanduíches crus (ou o que alguns de vocês esquisitos podem chamar de 'submarinos'), todos os tipos de lanches e doces, café e muito mais.

Culver's

Foto cedida por @culvers no Instagram

Espalhados pelo meio-oeste, o Culver’s é um local fast-casual que serve hambúrgueres, frango, batatas fritas, sopas E creme superdeloso. Os sabores do creme mudam diariamente e você pode pedir o seu na forma de concreto (que é basicamente como um milkshake super grosso misturado com a cobertura de sua escolha) ou um sundae.

J. P. Licks

J.P. Licks é uma rede popular da área de Boston que serve sorvete e iogurte caseiros e (bônus!) Também serve café. Eles têm doze locais dentro e ao redor de Boston e mudam seus sabores mensalmente. Eles sempre têm o básico, mas também servem sabores únicos como Mint Irish Lace e Jameson’s Irish Coffee para o mês de março.

Portillo's

Foto cedida por @portilloshotdogs no Instagram

O Portillo's é um favorito do estilo de Chicago que serve hambúrgueres, batatas fritas, shakes, sanduíches de carne e cachorros-quentes ao estilo de Chicago. Embora localizada principalmente em Illinois, há algumas localidades espalhadas no Arizona, Califórnia e Indiana.

Rocco’s Tacos

Foto cedida por @roccos_tacos no Instagram

Rocco’s Tacos é uma divertida rede de restaurantes em estilo mexicano com locais espalhados pela Flórida. Eles servem tacos incríveis, burritos e uma grande variedade de bebidas divertidas (incluindo ótimas margaritas), e é o local perfeito para o Taco terça-feira.

Cava Grill

Foto cedida por @cavagrill no Instagram

Cava Grill é uma rede de estilo mediterrâneo localizada na área de D.C., Maryland, Virginia, LA, e está se expandindo em breve para Nova York. Eles servem tigelas e pitas fáceis de preparar, com uma variedade de recheios nas categorias de molhos e patês, proteínas, vegetais frescos e molhos.

Swenson’s Drive In

Foto cedida por @swensonsdrivein no Instagram

Swenson’s Drive-In é uma lanchonete que foi fundada pela primeira vez em Akron, Ohio, em 1934. Agora, vários locais estão espalhados por Ohio, oferecendo hambúrgueres, batatas fritas e toneladas de milkshakes com sabores diferentes.

Jack’s Urban Eats

Foto cedida por @jacksurbaneats no Instagram

Jack’s Urban Eats é um restaurante moderno no estilo "cafeteria urbana", com locais espalhados pela Califórnia, especialmente na área de Sacramento. Eles incorporam frutas da estação e vegetais e um toque da Califórnia em todos os seus sanduíches, saladas e outras entradas.

Giordano's

Foto cedida por @giordanospizza no Instagram

O primeiro Giordano's foi inaugurado no lado sul de Chicago em 1974, servindo a adorada pizza recheada de queijo com crosta dupla de Mama Giordano (também conhecida como prato fundo). A famosa rede também serve pizza de massa fina regular, saladas e outros pratos italianos. A Giordano's atualmente tem escritórios em todo Illinois, e até mesmo alguns na Flórida, Indiana e Minnesota.

Zippy’s

Foto cedida por @ohhigabby no Instagram

O Zippy’s se autodenomina um "restaurante de bairro" no Havaí, onde as pessoas podem desfrutar da comida local e passar tempo com amigos e familiares. Seu cardápio é extremamente variado, e sempre há pratos do dia. Alguns de seus pratos mais conhecidos e amados incluem a receita original de pimentão, frango frito dourado e sopa de rabo de boi.

Rita’s

Foto cedida por @ritasice

Rita's é uma rede sazonal com locais espalhados pelo nordeste. Eles servem gelo italiano (ou gelo de água), creme, gelatis (gelo de água em camadas com cremes, sundaes e muito mais. Como uma vantagem, a maioria dos locais de Rita normalmente abre para a temporada no primeiro dia da primavera e distribuem gelo de água grátis, lembrando a todos nós que o tempo quente não está muito longe.

Bojangles '

Foto cedida por @ bojangles_1977 no Instagram

Bojangles ’é uma rede originada na Carolina do Norte, especializada em frango frito Cajun e biscoitos de leitelho frescos. Agora eles têm locais espalhados por todo o sul e ao norte até a Pensilvânia, então você nunca está muito longe de um delicioso frango frito.

Pollo Tropical

Foto cedida por @pollotropical no Instagram

Pollo Tropical é uma rede de rápido crescimento com sede na Flórida, especializada em comida de estilo caribenho. Eles oferecem travessas, sanduíches e wraps, saladas e muito mais com frango livre de hormônios e gorduras trans. A Pollo Tropical se espalhou rapidamente pela Flórida, Texas, Geórgia e Tennessee, com a intenção de abrir mais vinte locais em toda a área até o final do ano.


Melhores restaurantes de rede 24 horas da América

Estar com fome nunca é fácil. Às vezes, na vida, você só precisa de um lugar confiável onde saiba que pode sentar-se e desfrutar de uma refeição decente a qualquer hora do dia ou da noite. Por este motivo, somos muito gratos por 24 horas rede de restaurantes existem, e estes são os 10 melhores.

Pode ser complicado tentar localizar um lugar para comer, digamos, três da manhã. Dirigindo por quase qualquer lugar na América àquela hora, as chances de encontrar nada que está aberto são quase nulas. Além de alguns comensais, muito poucos restaurantes independentes permanecem abertos 24 horas por dia, simplesmente porque é caro manter os funcionários trabalhando durante a noite, quando pode muito bem não haver clientes para atender. Mas as redes de restaurantes geralmente têm bolsos mais fundos do que os independentes, então alguns deles vão além do seu dever e permanecem abertos 24 horas por dia.

Infelizmente, apenas algumas redes de restaurantes permanecem abertas 24 horas por dia, sete dias por semana. A maioria das redes faz uma análise de custo-benefício de local para local para ver quais têm menos probabilidade de perder dinheiro por permanecerem abertas o tempo todo, portanto, apenas uma porcentagem delas estará aberta 24 horas por dia, 7 dias por semana. Alguns postos avançados de cadeias de restaurantes só ficam abertos 24 horas nos finais de semana, quando o movimento noturno é decididamente maior.

Para determinar quais cadeias de 24 horas são as melhores, usamos alguns fatores. Primeiro, as redes que funcionavam 24 horas por dia, 7 dias por semana, em todos os locais, definitivamente ganhavam alguns pontos extras. Em segundo lugar, prestamos atenção especial aos restaurantes de serviço completo, onde você receberá o mesmo tratamento (e o mesmo menu) no meio da noite que receberia às 19h. Mesmo que você seja o único cliente, e seja madrugada, você deve ter a expectativa razoável de uma experiência de qualidade.

Observamos quais cadeias mantêm todos os seus locais abertos 24 horas por dia, 7 dias por semana, mas quanto ao resto, certifique-se de ligar com antecedência para ver se o posto avançado mais próximo estará aberto, porque não há nada mais decepcionante do que puxar para cima para obter sua dose de madrugada e aprender que você não pode ter isso.


Agora você receberá atualizações do Traveller Newsletter

Receba as últimas notícias e atualizações por e-mail diretamente na sua caixa de entrada.

Ao enviar seu e-mail, você concorda com os termos e condições e política de privacidade da Fairfax Media.

As refeições mais tristes de todo o meu ano? Nada pode tocar o almoço e o jantar no bar de esportes que não consiga nem mesmo seu prato de assinatura direito. Não tenho certeza do que é mais paródia, as asas esqueléticas (escolha o seu veneno: tradicional ou desossado) ou os palitos de cenoura amadeirada que as acompanham. Os molhos variam de louros (jerk caribenho) a amargos (alho-parmesão), e não posso deixar de pensar neles como máscaras, em vez de aprimoramentos. Então, novamente, as asas desossadas fritas de fábrica precisariam de um elevador, elas têm gosto de KFC sem cada uma daquelas 11 ervas e temperos secretos, exceto pelo sal. Fica pior. Os "tacos de rua" - tortilhas de farinha macia e insípidas envolvendo borrachas grelhadas sem graça (frango, de acordo com o menu) salpicadas com molho de fazenda - prestam um péssimo serviço aos food trucks em todos os lugares. Há muitos hambúrgueres de feijão preto ruins por aí, mas este lugar leva o troféu - de pior - para o disco preto crocante que se curva quando você morde. As dezenas de TVs, a maioria voltada para esportes, obrigam você a desviar o olhar da comida, o que é bom, dado o que quer que seja - principalmente bege, principalmente frito, nem pense em pedir uma salada - está na mesa. O único momento que me deu algum alívio durante a competição de resistência é quando eu passo por um cara usando um boné vermelho muito familiar, cuja mensagem me surpreende: "Faça os racistas terem medo de novo." Resumindo: é melhor perder uma refeição do que se encontrar neste restaurante barulhento, extravagante e totalmente sem alma apenas com o nome.

Reivindique a fama: molhos e temperos que oferecem personalização sem fim.

O melhor do grupo: recebendo o cheque.

Fique longe de: tudo menos a cerveja.

Petisco: O número de TVs varia de acordo com o tamanho do galho. A maioria está equipada com 50 ou mais.

Momento decisivo: descobrir aonde ir para uma refeição de verdade depois.

9. IHOP

Uma pilha na International House of Pancakes. Foto: Alamy

Provavelmente, o melhor que pode ser dito sobre a comida em um dos cenários mais genéricos ao redor é que as panquecas são fofas (se um pouco salgadas) a omelete de vegetais é tão verde com espinafre fresco quanto amarela de ovos e lata de pão de centeio marmorizado transformar até mesmo um infeliz hambúrguer de carne e queijo mal derretido em um sanduíche justo.

No final das contas, o serviço deixa um gosto melhor na minha boca, embora uma vez eu tenha que sair para encontrar meu servidor para pagar meu cheque. (Ela estava fazendo uma pausa para fumar.) Saúdo a honestidade, pois à noite pergunto sobre a sopa do dia e me dizem que é "batata, mas estamos no fim e eu não faria isso com tu." E eu admiro um garçom que consegue ler uma mesa com pressa, enquanto um da manhã serve "um bom café quente para vocês, senhores. Parece que vocês precisam voltar para o escritório." Dois de nós pedimos o suficiente para quatro, uma seção transversal do menu de plástico. "Se você comer toda aquela comida", diz o garçom, "vou te dar um abraço." Dez minutos depois, um companheiro e eu estamos mordendo um cheeseburger seco servido em um pãozinho de algodão, içando uma tortilha macia cheia de peixe que parecia frito em uma camisa de força e tentando decidir o que era mais uma bomba de sal: os finos bife frito em massa ou o molho de creme que o cobre. Nossa mesa, em outras palavras, se transformou em um campo minado. Sem abraços para nós!

Slogan: "Coma cada momento."

O melhor do grupo: Patty derretida, omelete de espinafre e cogumelo (segure o holandês raso).

Fique longe de: hambúrgueres, tacos de peixe frito, bife frito.

Petisco: Quatro xaropes (tipicamente antiquados, noz-pecã, mirtilo e morango) são sempre oferecidos. Os franqueados podem optar por trocar o xarope de bordo real e a amora.

Momento decisivo: comer panquecas e desejar estar saboreando no Denny's.

8. Outback Steakhouse

Grau: D

Deixe-me apenas tirar isso do caminho: a peça de resistência aqui é uma das criações mais vulgares que qualquer corrente já fez. O Bloomin 'Onion traz mais gordura, mais sal, mais culpa do que qualquer outra assinatura que eu possa imaginar. Então, por que minha festa está desnudando o vegetal do tamanho de um beisebol de suas pétalas gordurosas como se estivéssemos em uma corrida, embora saibamos que depois vamos nos sentir como baleias encalhadas? Porque os americanos não resistem a comida justa exagerada, mesmo em seus restaurantes. Também porque tiras de cebola quente mergulhadas em algo fresco e cremoso (imagine maionese colorida com ketchup com uma leve mordida) é uma combinação bastante viciante.

As pessoas vêm aqui para comer um bife. Eles não deveriam. Embora a carne pareça a parte do bife que você quer cortar, os cortes que procuro são inofensivos. As alternativas à carne bovina aqui - bolinhos de siri, costelas áridas de porco - são quase tão tristes quanto. Uma exceção à regra é o frango, especificamente o frango grelhado úmido com crosta de parmesão com ervas e uma guarnição de tomates e manjericão - tudo com um sabor mais fresco do que as cenouras lenhosas montadas na espingarda. Não se deixe enganar pelo menu ou pela decoração ao ar livre. O Outback Steakhouse tem tanto em comum com a Austrália quanto o Olive Garden com a Itália. O melhor prato é a sobremesa: bolo de cenoura apimentado com fios reais de cenoura em cada fatia grande e uma camada de cobertura.

Cozinha: Bife e uma noção fingida do que está cozinhando lá embaixo.

Reivindique a fama: Cebola Bloomin 'com 1.950 calorias e quantidade suficiente para seis.

O melhor do grupo: vinho a copo servido em jarras individuais, purê de batata com alho, frango com ervas parmesão, bolo de cenoura com especiarias.

Fique longe de: bolos de caranguejo, tacos de peixe em tortilhas de couro, costela de porco, camarão "vulcão" não tão quente e pesado.

Petisco: O tema australiano de espírito livre foi escolhido em parte com base no sucesso do sucesso de Hollywood em 1986, "Crocodile Dundee".

Momento decisivo: o pão integral grátis aparece com uma faca de carne mergulhada no pão vagamente caramelado.

7. Lagosta Vermelha

lagosta vermelha Foto: Shutterstock

A lagosta vermelha é ideal para jantares azuis, pelo menos aqui, onde a atração principal pode ser encontrada espalhada em uma pizza fina, mas pastosa, com uma pasta de mussarela, e cozida no vapor e dividida para revelar frutos do mar com gosto. . . não muito sem manteiga derretida, muito. Os amêijoas também causam má impressão, sejam os poucos em uma tigela de sopa pastosa com batatas farinhentas ou oferecidos em tiras fritas em borracha. O salmão poderia muito bem ter vindo de um banquete. Às vezes, a parte mais náutica de minhas visitas são as guarnições nas paredes: pinturas de faróis e bandeiras de sinalização emolduradas. Talvez eu me sentisse diferente na companhia de Beyoncé, que gritou para a rede em "Formação".

As exceções me dão esperança. Se as garras do caranguejo da neve exigem algum trabalho para lidar, pelo menos sua produção é doce. E os camarões de Yucatán, entre os novos pratos "degustação" da rede, se beneficiam do abacaxi caramelizado em cubos e do calor dos jalapenos. No final, porém, as partes escolhidas de uma refeição tendem a ser os biscoitos quentes e fofos que dão início a cada refeição e a salada de repolho recém-cremosa que você pode pedir como acompanhamento. Alguém quer um sanduíche de salada?

Reivindicação à fama: biscoitos tão populares que sua mistura está à venda em supermercados.

Slogan: "Agora isso é frutos do mar."

O melhor do grupo: biscoitos de queijo, camarão de Yucatan, camarão de coco, pernas de caranguejo.

Fique longe de: Pizza de lagosta espessa, mariscos fritos, frango com cobertura de bordo que tem gosto de uma linha aérea, lagosta cozida no vapor, torta de limão dolorosamente doce e densa.

Petisco: a rede vende 395 milhões de biscoitos cheddar por ano.

Momento definidor: "Você já se cansa dos biscoitos?" Perguntei a um garçom veterano que me disse que dançava à parte. "Eu não", respondeu ele, girando os quadris. "Porque eu tenho que tomar cuidado com isso!" ele disse, dando um tapa de brincadeira em seu traseiro.

6. Chili's Grill & Bar

Se tudo o que você fosse comer fossem as costelas que geraram um dos jingles de restaurante mais populares de todos os tempos (não comece a cantá-lo!), Você se perguntaria do que se trata tanto alarido. Nenhuma quantidade de molho barbecue esconde o fato de que a carne está seca. (Como as batatas fritas, as costelas são um prato que as cadeias parecem ter dificuldade em acertar.) Como acontece com muitos restaurantes de alto escalão na cadeia alimentar, sua melhor aposta é abastecer antecipadamente ou focar nos aperitivos. O Chili's torna tudo mais fácil com sua Triple Dipper, sua escolha de três lanches. Concentre-se nos saborosos mini-hambúrgueres, nos anéis de cebola com especiarias e nos rolinhos de ovo do sudoeste recheados com milho e feijão preto.

Em outra parte do menu, o Chili's tenta e não consegue entregar algumas opções de comida. A espiga de milho empanada com maionese e estalidos de temperos fortes é uma maneira pobre de replicar o alimento de rua mexicano básico elote loco (milho louco), e um bolo fundido de caramelo salgado enjoativo na forma de um vulcão parece usar massa de panqueca em sua base. Quanto à massa Cajun, penne com frango ou camarão com molho de creme é salgado com parmesão - uma pasta de goma. Simples é melhor. Rib-eye vem com uma boa musculatura e uma colher de purê de batata carregado com bacon, queijo e cebolinha. Tentar comer de forma saudável causa decepções, incluindo uma salada "caribenha" salpicada de laranjas mandarim, abacaxi e pimentão vermelho, junto com um molho de mel e limão que tem gosto de cobertura de sobremesa. Devo dizer, porém, que o picante molho cítrico-chile no salmão cozido, da seção "Guiltless Grill" do menu, impede que o prato seja servido DOA.

Cozinha: Americana com um toque do sudoeste.

Reivindique a fama: O verme de ouvido para promover as costelas posteriores do bebê de Chili.

Slogan: "Como nenhum outro lugar."

O melhor do grupo: rolinhos de ovo do sudoeste, mini-hambúrgueres, anéis de cebola panko, costela de olho.

Fique longe de: salada caribenha, macarrão cajun, bolo de caramelo salgado.

Petisco: O diretor criativo por trás da música da rede (trazida este ano) diz que nunca comeu costelas de Chili.

Momento decisivo: o guacamole "ao lado da mesa" gelado é simplesmente deixado no, bem, ao lado da nossa mesa.

5. Applebee's Neighborhood Grill & Bar

Coma fora em redes de serviço completo suficientes, e as semelhanças tornam-se claras: nenhum deles pode cozinhar brócolis direito. O salmão é quase sempre cozido demais. Guardanapos são distribuídos como passes de clubes na Strip de Las Vegas. Maior costuma ser percebido como melhor. (Quando a sangria de um amigo, um símbolo de suco de maçã enriquecido, aparece em um copo do tamanho de um banho de pássaro, eu ouço Miss Piggy em minha cabeça: Nunca coma nada maior do que sua cabeça, uma regra que também pode se aplicar a bebidas. ) Além disso, se não tiver vontade de falar, muitas vezes você pode jogar nos tablets de mesa, uma distração que também permite pagar, até mesmo dividir as contas, sem interagir com o servidor.

Tudo o que foi dito acima é verdade no Applebee's, que, no entanto, oferece opções suficientes em seus vários menus de plástico em suas salas de jantar decoradas para manter a marca interessante para comedores exigentes. Os céticos podem aquecer com o camarão Sriracha levemente picante apresentado em tiras de tortilla e agradáveis ​​tacos de frango, o recheio enfiado em suas cascas wonton com uma leve salada. Esqueça as costelas áridas com seu esmalte vagamente adocicado e o hambúrguer de uísque-bacon, melhor para seus anéis de cebola frita. Melhor do que você poderia esperar são o bife suculento no combo surf-and-turf e fatias de frango grelhado com limão preparado em quinua temperada com cranberries secas. Este último é uma raridade entre as cadeias: algo relativamente saudável que você pode imaginar que vai acabar de fato.

Reivindique a fama: $ 1 margaritas (Dollaritas) e Long Island Iced Teas.

Slogan: "Comer bem na vizinhança".

O melhor do grupo: camarão Sriracha, asas de frango crocantes e apimentadas, quesadillas de bife, purê de batata com pele, frango grelhado com quinua e cranberries.

Evite: costelas, salmão, chimicheesecake de maçã (maçãs com caramelo e cheesecake enrolados em uma tortilha e fritos).

Petisco: O menu original de 1980 incluía quiche e codorna.

Momento de definição: Um servidor diz que não vai nos cobrar por jogar na tela da nossa mesa, mas então adiciona o custo ($ 1,99) à nossa conta.

4. Olive Garden

Ao contrário de alguns de seus concorrentes, Olive Garden cheira como se estivesse cozinhando de verdade: Os cheiros de parmesão e alho pairam no ar quando eu entro. Fico ainda mais encantado com a honestidade do barman quando peço a ela o melhor vinho branco, e ela diz: "Devo dizer Porto Vita, o branco da nossa casa", então sugere que um chardonnay não assado, Seven Suns, é superior. De todas as redes de restaurantes que pesquisei, este aspira a um mínimo de sofisticação. Os servidores ficam mais do que felizes em oferecer sabores de vinhos.

Arcos de tijolo e fotografias sépia trazem um tema italiano, mas os populares breadsticks - bastões almofadados temperados com sal de alho, escovados com margarina e saborosos apenas quando aquecidos - são totalmente americanos, assim como a tendência da cozinha de cozinhar demais as massas. Fique longe do Tour of Italy com três pratos em um prato, cujo frango à parmegiana e o gloppy fettuccine Alfredo têm um gosto diferente de tudo que já conheci no Velho Mundo. (A lasanha com ervas no prato é um porto de escala melhor.) Um novo item, salmão com cobertura de frutas cítricas servido em molho Alfredo "cítrico cremoso", é por sua vez doce e sem graça. Você não precisa ser vegetariano para apreciar o minestrone fresco, espesso com feijão e tomate, e um grande conforto pode ser encontrado em um prato de espaguete e almôndegas, uma seleção "crie sua própria massa". "Mais salada? Mais sopa?" os amigos amigáveis ​​perguntam repetidamente. O que falta ao restaurante em requinte, é compensado com generosidade.

Reivindique a fama: palitos de pão ilimitados e tigelas de salada sem fundo.

Slogan: "Somos todos família aqui."

O melhor do grupo: sabores de vinho grátis, minestrone, espaguete com almôndegas, tiramisu.

Fique longe de: Sangria com gosto de Kool-Aid para adultos, Tour of Italy (não!).

Petisco: O primeiro restaurante foi inaugurado em 1982 pela General Mills.

Momento decisivo: O cardápio sugere que você lave lanches de lasanha frita com Blue Moon no chope.

3. Texas Roadhouse

Texas Roadhouse Foto: Shutterstock

Fale sobre um olá! A música country acolhe os clientes mesmo de fora. A caminho de uma mesa, os comensais passam por uma exibição escarlate de carne crua que prepara carnívoros para o almoço ou jantar. Baldes de amendoim com casca ajudam a matar a fome enquanto você examina o cardápio. Como várias correntes, esta faz barulho para os comemoradores de aniversário, mas esta estalagem com paredes de pinho é a única marca que conheço que os convida a sentar em uma sela sobre rodas enquanto são festejados com aplausos liderados por funcionários e batendo palmas. A carne é sua amiga aqui, seja em uma tigela de chili zippy, bife picado sob uma cobertura de queijo e cebolas caramelizadas ou uma costela agradável cozida na cor que você deseja e melhor combinada com purê de batata craterado com molho de creme.

O abraço inicial de hospitalidade, que inclui a entrega de pãezinhos fresquinhos, escovados na manteiga e levemente adocicados, não consegue mascarar alguns defeitos, entre eles o bagre duro e o porco desfiado seco, massa humilhada com um doce molho barbecue . (E meu menu de plástico pegajoso me faz desejar que mais cadeias limpem suas listas, junto com cabines, após cada uso. Ninguém quer sentir as impressões digitais de um estranho.) Mas este estabelecimento se sai bem o suficiente para se tornar sua escolha entre marcas semelhantes. Na verdade, a surpresa mais agradável é o Cactus Blossom, uma cebola frita inteira, cada fatia bronzeada crocante, apimentada - e muito menos gordurosa - do que o desenho florescendo no lugar que finge levar você para o Baixo.

Cozinha: Bifes com tema ocidental.

Reivindique a fama: bifes cortados à mão e pão fresco.

Slogan: "Comida lendária, serviço lendário."

O melhor do grupo: quase tudo com carne, purê de batata, flor de cacto.

Fique longe de: Carne de porco puxada (seca) e peixe-gato (duro).

Petisco: Cada filial emprega um açougueiro e um padeiro.

Momento definidor: Procurando o banheiro, sou apontado para a placa "casinha".

2. Denny's

Café da manhã no Denny's Foto: Alamy

O cheeseburger? É uma mentira. Morda a construção, feita com um pão sardento com sementes de gergelim, e o hambúrguer crocante pode espirrar sucos - você sabe, como um hambúrguer decente faria. As batatas fritas bem quentes são memoráveis ​​mais por seus cristas semelhantes a churros do que por qualquer sabor de batata, mas isso significa que você pode ter espaço para o bolo de chocolate lava browniel, uma cópia do bolo de chocolate derretido que ficou famoso décadas atrás pelo estimado Jean-Georges Vongerichten em Nova York. (As cadeias são boas para identificar tendências de alimentos elegantes e repensá-las para as massas.)

O café da manhã é uma opção 24 horas. Eu gosto das panquecas fofas com suas bordas rendadas, e eu gostaria mais do sanduíche "carregado" do café da manhã se seu presunto raspado fosse menos salgado e o pacote inchado fosse mais fácil de lidar com meus ovos mexidos escorregando quando eu comia. Meu prato principal é espaguete com almôndegas, oferecido com um molho que une doçura e sabor, e uma almofada amanteigada de torrada de alho. As opções mais leves incluem uma agradável canja de galinha, doce com cenoura, e um prato de frutas frescas que juntou morangos, maçãs e uvas. "Limão para a sua água?" um servidor pergunta, assim como os garçons fazem em ambientes mais sofisticados. Meu motorista do Uber pede minha avaliação quando me pega no que ele disse ser seu local favorito em Washington. Acontece que ele gosta de ir aos domingos, quando a música gospel faz parte do mix. Nesse momento, ele me diz: "Parece que é do meu avô". Em outras palavras, a prova de que as correntes podem ser pessoais.

Reivindique a fama: O Grand Slam, estrelado por panquecas, ovos, tiras de bacon e links de salsicha.

Slogan: "O restaurante da América está sempre aberto."

O melhor do grupo: Panquecas, batatas fritas, espaguete e almôndegas, bolo quente de chocolate lava.

Fique longe de: Especiais sazonais, como panquecas cobertas com o que tem gosto de chocolate branco com raspas de laranja.

Petisco: A rede fez um menu especial para vários filmes do Hobbit.

Momento decisivo: obter um menu de valor, com refeições por apenas $ 4.

1. Cracker Barrel Old Country Store

Especialmente depois de comer um monte de comida que parecia vir de uma fábrica em vez de uma cozinha, ficou claro: nenhum outro restaurante de rede em minha pesquisa de meses de duração chega tão perto de comida caseira quanto esta operação. Se os bolinhos de frango estiverem um pouco pastosos e os muffins de pão de milho estiverem um pouco salgados, quase tudo o que passou pelos meus lábios nesta sala de jantar do tamanho de um celeiro decorada com lanternas e placas de carro é algo que ficaria feliz em tentar novamente. Segundos, por favor, do saboroso bolo de carne com legumes, rosbife tenro com molho marrom apimentado e filés de truta com casca de limão, um especial da semana. Você não precisa comer muito aqui, uma parte das frutas com abacaxi fresco, amoras e mirtilos, embora a torta de nozes não muito doce valha o desvio de qualquer dieta.

A comida americana é apenas parte do charme do Cracker Barrel. Para chegar ao restaurante propriamente dito, você atravessa uma varanda com cadeiras de balanço (estão à venda) e passa por uma loja de varejo popular que vende doces, refrigerantes regionais, roupas, brinquedos e o lançamento de Natal de Gwen Stefani. Música country e fogo crepitante - você leu certo, o restaurante vem com uma lareira - acerte qualquer erro que possa ter sofrido naquele dia, e o serviço não poderia ser mais pessoal. O tapete de boas-vindas está disponível para todos? Uma história infeliz de racismo e discriminação corporativa foi abordada nos últimos anos com declarações inclusivas no site da empresa. O arrependimento de um bebedor: nada de vinho ou cerveja para saborear com minhas refeições. Copos de refrigerante são reabastecidos sem que você precise pedir, os pedidos são recebidos com "sim, senhor" ou "senhora", e se os membros da equipe o virem lutando com um saco de sobras, eles correm para ajudar. Sim, levo o que não consigo terminar para casa comigo. E cada mordida daquelas costeletas de porco finas e bem temperadas, parte de um prato de "country boy" com maçãs fritas e batatas fritas com queijo, me faz pensar em minha avó - um feito que não foi igualado por nenhuma outra rede em minha pesquisa.

Cozinha: comida caseira voltada para o sul.

Reivindique a fama: ir às compras e jantar sob o mesmo teto e demitir a esposa de Brad daquela vez.

Slogan: "Agradar às pessoas" é a declaração de missão da empresa.

O melhor do grupo: Bolo de carne, costeletas de porco, truta, macarrão com queijo, torta de nozes.

Fique longe de: Frango pastoso e bolinhos.

Petisco: cada galho tem uma canga de boi e uma ferradura na porta e um semáforo nos banheiros.


Fast food que vale a pena parar: as melhores redes regionais da América

Com churrasqueiras de primeira classe abrindo do Brooklyn ao sul da Califórnia, você não precisa mais ir ao Texas para conseguir um excelente peito defumado. Outrora o monopólio das barracas de frutos do mar costeiras da Nova Inglaterra, agora você pode encontrar lojas especializadas em rolos de lagosta do Maine de Manhattan à Las Vegas Strip. Graças a um cenário alimentar cada vez mais nacionalizado, o que antes eram obscuras especialidades locais proliferaram e muitas cadeias anteriormente regionais, como a amada Chick-fil-A do sul e o Middle Atlantic's Five Guys se tornaram nacionais. Mas ainda existem muitas redes de destaque regionalmente limitadas com fãs ávidos, sabor local e comida autêntica, e vale a pena procurá-las - parte da descoberta que torna a viagem especial.

"Especialmente no Sul e no Oeste, se você for além das cinco grandes redes nacionais, poderá encontrar algumas opções interessantes", disse Andrew Knowlton, editor de restaurantes da bom apetite revista. Now based in New York, Knowlton grew up in the South eating at chains like Bojangles', and just worked a 24-hour shift cooking and waiting tables at his personal favorite, Waffle House, for a feature for the magazine. "If you go to Whataburger in Texas or Waffle House anywhere, you get a feel you won't find anyplace else, a fast food terroir."

Whether it's St. Louis' unique style of pizza or Chicago's oddly loaded hot dogs, folks feel very strongly about their local foods and chains, as Knowlton pointed out. "The defensiveness that comes with regional food is second only to that of local sports teams. A lot of them are inexplicably delicious – but only if you are from there."

Knowlton and several other experts on American regional cuisine chimed in to help select the best regional chains across America. All agreed there are some delicious and unique tastes out there, but no one could quite agree how to define region or chain or even fast food. For instance, the favorites of Colman Andrews, editorial director of website TheDailyMeal.com, ranged from Midwestern-born sandwich specialist Jimmy John's, with over 2,000 outlets in 43 states, to The Varsity, with just seven locations – all in Georgia. Some are big and some are tiny, but all are worth trying for their unique spin on road food.

Waffle House

The biggest chain on our list, with over 2,000 outlets, Knowlton's beloved 24-7 Georgia-based Waffle House now reaches as far north as New York, but clings to its Southern flair and hospitality. "I've got nothing against a good Belgian waffle, but the plague of dense, doughy ones is an increasingly troublesome black mark on American breakfast. That is why I treasure thin-tread Waffle House waffles, especially when loaded with butter and drenched with syrup and maybe doubled-up with double bacon on the side," said Michael Stern, co-author of the Roadfood series of books and Roadfood.com, devoted to the best eats along American motorways. While famous for breakfast, which includes regional options like grits and biscuits with sausage gravy, lunch and dinner options such as chili, patty melts and even T-bone steaks are extremely popular. The very first Waffle House, in Decatur, Ga., is now a full-blown museum.

White Castle

bom apetite's Knowlton doesn't get why people feel so strongly that its fans have their own nickname ("cravers"), but many other experts do. Said Stern, "It is the aroma at least as much as the taste that makes White Castle so endearing – that distinctive mix of greasy beef and sizzling-soft onion, with a bit of pickle tang and a hint of yeast from the itty-bitty bun." Adam Sachs, editor in chief of Saveur magazine, picked it as his single favorite regional chain, explaining that, "You have to give credit to White Castle for their unwavering commitment to manufacturing a very mushy burger (VMB). I mean, they invented technology – 'steam-grilling' atop a bed of onions - to ensure that the meat of the aptly-named slider stays as consistently sodden as the damp bun on which it is served (and from which it is, in taste and texture, nearly indistinguishable)." One of America's oldest restaurant chains, the place that invented the "slider" is found in a dozen rather randomly separated states across the Northeast, Midwest, Mid-Atlantic and South, all of which consider it their local institution. Most recently, in 2015 White Castle opened by far its westernmost outpost – smack in the middle of the Las Vegas Strip. Nevada is the first new state the chain has ventured into in many years.

Lou Malnati's

"There are so many bad and bogus Chicago-style, deep-dish pizzas, it is a special pleasure to eat the real thing at Lou Malnati's. I believe this is as good as it gets – pizza redefined as a whole new food group," said Stern. There is only one truly national deep-dish chain and three more major players in the Chicago area, but of these, Lou Malnati's is the best, set apart by its superior crust, rich and decadent yet light. Buttery and flaky, it's more like pie crust than traditional pizza dough. Its popularity has led to about 45 restaurants, all in Illinois, plus a thriving mail order business for frozen pizzas. While pepperoni is the bestselling topping nationwide, here the two most popular pizzas are the Chicago Classic, with ground patty-style sausage and cheese, and the Lou, a surprising four-cheese blend of mozzarella, cheddar, parmesan and romano with spinach and mushrooms.

Jim 'N Nick's Bar-B-Q & Moe's Original Bar B Que

These two consensus best barbecue chains have a lot in common – both are homespun products of Alabama with a significant presence in mountainous Colorado. Jim 'N Nick's was launched by a father and son team in a former dry cleaning shop in Birmingham, Ala., three decades ago. The restaurants are big, sit-down, full-service eateries, more fast casual than fast food, but many have drive-throughs as well. Quality is high, they even have their own heritage pig breeding program in development. bom apetite's Knowlton said: "The meat is good and it comes from good places because they have great sources." The barbecue is good across the board, but what makes the chain stand out is its unique slate of Southern-flavored starters, from the signature and highly addictive cheese biscuits to Creamy Collard Green Dip with tortilla chips. There are about 30 locations in seven states clustered in the South and Rockies. Moe's was launched in Vail, Colo., by a trio of University of Alabama buddies turned ski bums, and their folksy growth strategy has been to help more recent alums of their alma mater open branches. The Alabama-centric menu is large and varied, including exceptional fried shrimp po' boys, a trademark of the state's Gulf Coast, along with decadent one-of-a-kind boneless rib sandwiches. Moe's has been growing by leaps and bounds and recently added Maine and California, with its next locations in Jackson Hole, Wyo., and Bozeman, Mont. That will give them more than 45 locations across 13 states.


Best chain restaurants in America

1. Shake Shack

It may be easy to make a burger, but it&rsquos not always easy to make a excelente burger. Shake Shack, however, has tender, juicy patties on lock&mdashat 60-plus locations worldwide (with hundreds more to come). With professional, lightning-fast service and an always-tasty menu that also includes killer loaded dogs and house-made frozen custard, the answer to the question &ldquoWanna go to Shake Shack?&rdquo is always a resounding sim.

Signature dish: Shackburger, with single or double patties, cheese, lettuce, tomato and Shacksauce.

2. Tender Greens

If you live on the Best Coast, the wildly inventive Tender Greens is yet another reason to feel pretty darn content about your life. With 20-plus locations in L.A., San Diego and Orange County as well as the Bay Area, the fast-casual spot serves up hearty, veggie-heavy soups, salads and sandwiches whose creation is overseen by trained executive chefs. Think small-batch salami served over kale with crispy garbanzos and roasted garlic vinaigrette, or rare, herb-brushed tuna steaks with mashed yukon golds. Então Califórnia.

Signature dish: Chipotle barbecue chicken salad with avocado, queso fresco, crispy tortillas and cilantro-lime dressing.

3. Umami Burger

Serving up juicy burgers inspired by fine-dining flavors, this Cali-born chain focuses on the chef-lauded &ldquofifth taste,&rdquo that assertive, mouth-filling flavor found in tomatoes, aged cheeses and soy sauce. With comfortable table seating, waiter service and a full bar, Umami sets itself apart from other burger chains, promising a full-on restaurant experience&mdashnot just a great sandwich. There aren&rsquot as many locations as with other burger chains, but sometimes tasty things come in small packages.

Signature dish: Umami Burger with parmesan &ldquofrico,&rdquo roasted tomato, caramelized onions and Umami ketchup.

4. Five Guys

Speaking of burgers, this 1,000-plus strong chain puts out a delicious one: thin but moist and served up on a quintessential sesame-seed bun and loaded with your choice of as many of the Guys&rsquo 15 toppings and condiments as you want&mdashall for free. With exemplary house-cut fries and a welcoming but super-casual atmosphere, it&rsquos an obvious choice for a quick but exponentially satisfying meal.

Signature dish: Bacon cheeseburger and fries.

5. Chipotle

Serving super-craveable, Mexican-inspired burritos and bowls that are packed with flavor but sold at a low price, Chipotle is an obvious choice for one of the best chain restaurants in the country. Melhor ainda? This is food with a conscience: serving only non-GMO ingredients and pasture-raised meat, Chipotle has set a high bar for its competitors. Sure, the whole empire had to shut down in early 2016 after several E.Coli scares&mdashbut, let&rsquos face it, it&rsquos &ldquowe&rsquore sorry&rdquo free burrito offer in February lured us right back in.

Signature dish: Carnitas burrito with rice, beans and fajita veggies.

6. Texas Roadhouse

With 400-plus restaurants in 49 states, this meat-centric family restaurant is obviously doing something right. Plating up big, budget-friendly plates of steaks and ribs flanked by starchy sides like loaded baked potatoes and cheese- and bacon-studded mashers, the Roadhouse also emphasizes fun with its jukeboxes, occasional line-dance performances and solicitous waitstaff&mdashnot to mention a plethora of boozy draught cocktails such as frozen margaritas and potent punches.

Signature dish: &ldquoFall-Off-the-Bone&rdquo ribs with signature barbecue sauce.

7. Friendly’s

We&rsquod like to think that the unofficial motto of Friendly&rsquos&mdashever a highway-side beacon of hope during those long, cross-country drives&mdashis: &ldquoFriendly&rsquos: because with ice cream, what could possibly be bad?&rdquo With comfy booths, perky waitstaff and a comfort food-spanning menu of burgers, melts and fryer favorites, it&rsquos hard to feel anything but pure contentment when eating at a Friendly&rsquos. To add to the enjoyment, there&rsquos that extensive list of frozen delights: shakes, sundaes, floats. Somente Experimente leaving without something from the freezer&mdashwe dare you.

Signature dish: Original &ldquoBig Beef&rdquo burger with American and mayo.

8. Benihana

Showy teppanyaki-style cooking&mdashwherein a chef cooks Japanese-style dishes on a large hibachi flattop grill and presents them, with flair, to a crowd of diner-spectators&mdashwas introduced to the U.S. by this historic chain in 1962. While teppanyaki has faded as a dining trend&mdashfor a couple of decades there, it was the number one choice for special occasions like birthday parties&mdashit remains a fun and tasty choice for an unusual evening out. We&rsquoll take a round of flaming onion volcanoes&mdashstat, please.

Signature dish: Hibachi chicken breast with mushrooms, butter and sesame seeds.

9. The Cheesecake Factory

Foodies love to hate on this 188-location-strong chain of comfort-food restaurants, but the fact is: diners love it. The Cheesecake Factory regularly ranks at the top of nationwide customer satisfaction surveys for its attentive service, tasty food, and, of course value&mdashthe plates of burgers, ribs and grilled seafood here are enorme. And with 36 varieties of genre-bending cheesecake available daily&mdashpeanut butter cup fudge ripple cheesecake, anyone?&mdashit&rsquos a craving-resolving destination for the sweet tooths among us.

Signature dish: Original cheesecake with graham cracker crust and sour cream topping (simple, but so good).

10. P.F. Chang's

With its abundant portions of approachable, Americanized Chinese food&mdashthink sweet, soy-glazed Mongolian beef and Singapore-style rice noodles tossed with shrimp and cabbage&mdashit&rsquos easy to see why this chain, established in Arizona in 1993, has multiplied so quickly, with 260 locations around the world. For those in living in smaller towns, where more strictly authentic Asian fare is nonexistent, P.F. Chang&rsquos offers a welcome sampling of worldly flavors. For those in bigger towns with straight-from-China dishes at every turn, Chang&rsquos is still a solid guilty pleasure.

Signature dish: Chang&rsquos spicy chicken, with chili sauce, scallions and garlic.


No. 5: Schoop's Hamburgers

Residents of Indiana&rsquos Calumet Region southeast of Chicago have been enjoying Schoop&rsquos Hamburgers since 1948. The menu includes fresh, never frozen patties cooked to order on a grill and served on a toasted bun alongside fries, onion rings and classic soda shop beverages.

Photo courtesy of Skyline Chili


Courtesy of Burger King

The Whopper. Chicken fries. Anéis de cebola. You know the classics at Burger King, but take a gander at the desserts. The Hershey's Sundae Pie starts with a chocolate cookie crust topped with chocolate and vanilla cream. It always comes slightly chilled to the point where it seems like ice cream.

And if you're wondering how Burger King's pies stack up to the competition, We Taste-Tested Fast-Food Pies, Cookies, & Ice Cream—These Were Our Favorites.


The Most-Popular Dishes at America's Top Chain Restaurants

Find out if your go-to order tops the menu at each of these tried-and-true chains.

Applebee's: Bourbon Street Chicken and Shrimp

For customers of this iconic and ever-evolving chain, nothing embodies "eatin' good in the neighborhood" quite like the Bourbon Street Chicken and Shrimp &mdash a heap of Cajun-seasoned chicken and blackened shrimp in garlic butter, served on a sizzling cast-iron platter along with sauteed mushrooms, onions and crispy red potatoes. Since December 2015, Applebee's has served more than 46 million of these dishes.

Red Lobster: Ultimate Feast

Come for the often-imitated, never-duplicated Cheddar Bay Biscuits. Stay for the Ultimate Feast, Red Lobster's fan-favorite entree. In this case, "feast" is not hyperbole: It's a platter heaped with tender Maine lobster tail, steamed North American snow crab legs and garlic shrimp scampi &mdash in addition to butterflied, hand-breaded, golden fried shrimp. Remember to save room for the parade of all-included salad, coleslaw and biscuits.

California Pizza Kitchen: Original BBQ Chicken Pizza

California Pizza Kitchen offers over 20 different pies on its menu &mdash four of them gluten-free! But the most popular, hands down, is the Original BBQ Chicken Pizza, invented at the chain's first location in Beverly Hills in 1985. The hand-tossed crust, made from a top-secret recipe, is a canvas for CPK's legendary BBQ sauce plus smoked Gouda, red onions and fresh cilantro.

LongHorn Steakhouse: Rib-Eye Steak

LongHorn serves more than 10 million fresh (and never-frozen) rib-eye steaks annually &mdash and this item's popularity is no surprise. Each location nationwide has a team of certified Grill Masters who specialize in selecting the right cut, pairing it with one of six signature seasoning blends and grilling it to each guest's taste. Diners can order the rib eye either of two ways: the hand-trimmed, 12-ounce rib eye or the signature fire-grilled Outlaw Ribeye &mdash an 18-ounce, perfectly marbled bone-in cut.

Carrabba's Italian Grill: Chicken Bryan

Carrabba's isn't your typical red-sauce Italian joint. First and foremost, it's a grill &mdash and each of the menu's meaty entrees, from steak and chops to chicken and veal, gets the wood-fired treatment. Take the Chicken Bryan, for example. This fan favorite is lightly brushed with Carrabba's signature grill baste made up of olive oil and 14 different herbs and spices. Once grilled, the rustic white meat is topped with goat cheese, sun-dried tomatoes, basil and a lemon butter sauce.

TGI Friday's: Cajun Shrimp and Chicken Pasta

TGI Friday's frequently refreshes its menu, so the most-popular entree changes with every rotation of brand-new dishes. Most recently, the Cajun Shrimp and Chicken Pasta has been dominating order slips according to a spokesperson, it's the most-commonly ordered dish per store, per day. This flavor bomb features sauteed, all-natural chicken, shrimp and red bell peppers tossed with fettuccine in a spicy Cajun Alfredo sauce.

P.F. Chang's: Mongolian Style Beef

The sheer volume of menu options at this Asian-themed casual-dining restaurant is dizzying, encompassing everything from sushi to street fare &mdash and let's not forget the separate Dim Sum menu featuring traditional Chinese-style rolls and dumplings. Still, P.F. Chang's patrons have managed to identify a clear favorite: the Mongolian Style Beef, garlicky soy-glazed flank steak topped with snipped green onions.

Golden Corral: A Blue-Plate Tie

It doesn't get much more "Sunday supper" than fried chicken, pot roast or meatloaf. It's no coincidence, then, that these quintessential blue plates are all tied for the most-popular spot on the menu at Golden Corral, a big American buffet chain known for its comforting, stick-to-your-ribs classics.

Arby's: Traditional Greek Gyro

With a slogan like "We have the meats," it's no surprise that the reigning No. 1 overall order at Arby's is the Classic Roast Beef &mdash com small fries and a fountain soda, of course. Recently, though, fans have been migrating toward the new Signature Sandwiches &mdash specifically, the Traditional Greek Gyro. This hearty newcomer features sliced gyro meat (a blend of ground beef, ground lamb and Mediterranean spices) in a warm flatbread along with lettuce, tomatoes, red onions, tzatziki sauce and Greek seasoning. After Arby's sold 6.5 million of them in April 2018, the fan favorite became a permanent menu item in May 2018.

Carl's Jr.: Famous Star with Cheese

What started in 1941 as a humble Los Angeles hot-dog cart, manned by husband-and-wife team Carl and Margaret Karcher, would ultimately grow into a multinational destination for charbroiled burgers and fries. Customers' favored dish is true to Carl's Jr.'s all-American roots: To date, the chain's most-frequently ordered menu item has been the Famous Star with Cheese, a beef patty and gooey American cheese with lettuce, tomato, onion, dill pickles, mayonnaise and special sauce on a seeded bun.

Cracker Barrel: Momma's Pancake Breakfast

At Cracker Barrel, all-day breakfast is more of a birthright than a lifestyle choice. It's also the reason why Momma's Pancake Breakfast is the restaurant chain's most-popular dish. This plate is nothing short of an ode to breakfast: Three hot-off-the-griddle buttermilk pancakes come outfitted with butter and syrup plus two eggs and thick-sliced bacon or sausage on the side.

Outback: Center-Cut Sirloin

The philosophy "Less is more" is anathema to devotees of Outback Steakhouse, a chain famous for big, meaty, over-the-top plates like its filet mignon and steamed lobster-tail entree. However &mdash and this may surprise you &mdash the most-popular main dish at this internationally known temple of red meat is none other than the simple, lean and seared Center-Cut Sirloin. Pair it with a house salad and Outback's signature baked potato and you've got yourself a well-rounded plate.

Olive Garden: Chicken Alfredo

With dozens of mix-and-match pasta possibilities (or, should we say, pastabilities), it's the big, creamy bowl of Olive Garden's Chicken Alfredo that continues to top the restaurant's list of most-popular entrees. Sliced grilled chicken is served over tender fettuccine pasta and doused in OG's signature homemade Alfredo sauce, which is made from scratch daily. We think that's exactly what the restaurant's iconic breadsticks are for &mdash mopping up all that rich cream sauce.

Chick-fil-A: Chicken Sandwich

In 1961, restaurateur and Chick-fil-A founder Truett Cathy set out to create a flawless chicken sandwich. After years of experimentation, he cracked the code to what would ultimately become the No. 1-selling entree at the nation's largest chicken-restaurant chain. Five decades later, Cathy's cooking method hasn't changed &mdash and his Chicken Sandwich recipe is still a secret. All we know is that pressure-cooking boneless, hand-breaded chicken breast in refined peanut oil, and adorning it simply with dill pickle chips and a toasted, buttered bun, is central to the magic.

Panera Bread: Broccoli Cheddar Soup

At Panera, the hands-down fan favorite is a no-brainer: Broccoli Cheddar Soup. The recipe features chopped broccoli and shredded carrots simmered in a velvety smooth cheese sauce with a top-secret blend of seasonings. The iconic soup is available in a cup, bowl or bread bowl. Let's face it &mdash you want the bread bowl. We all want the bread bowl.

Chipotle: Chicken Burrito Bowl

We were relatively surprised to discover that it's not the Burrito but rather its lower-carb alternative, the Burrito Bowl, that tops the popularity chart at Chipotle. Specifically, it's the Chicken Burrito Bowl &mdash a flavor festival of rice, beans, fajita veggies and other essentials, such as salsa and sour cream (and guac, if you're willing to cough up the extra $1.95), united around a foundation of smoky, spicy adobo grilled chicken that's deliciously charred for subtle caramel flavor.

McDonald's: McNuggets

When McDonald's introduced the Buttermilk Crispy Chicken Tenders in October 2017, many people speculated that the good old-fashioned McNugget eventually would go the way of the dinosaur. However, according to a McDonald's spokesperson, the golden-crusted nuggets we all pined for as youngsters continue to shine as customers' favored meal, regardless of their age. Made with 100 percent white meat and no artificial preservatives, the nuggets have more in common with their healthier-seeming cousins than you might have imagined.

The Cheesecake Factory: Chicken Madeira

With a menu that boasts more than 250 items, it's unbelievable that The Cheesecake Factory has been able to identify a definitive favorite. And yet, somehow, a clear winner has emerged: The Chicken Madeira, according to a Cheesecake Factory spokesperson, is the most-frequently ordered entree on the menu. Smothered with fresh mushroom Madeira sauce and melted mozzarella, the tender chicken breasts come topped with fresh asparagus and a side of fluffy mashed potatoes.

KFC: Original Recipe Fried Chicken

It seems as if KFC customers around the globe live by the old mantra "If it ain't broke, don't fix it." According to a KFC spokesperson, despite the regular introduction of new menu items, the Colonel's most-prized offering is the Original Recipe fried chicken, seasoned with an oh-so-secret signature blend of 11 herbs and spices. Despite operating roughly 21,000 locations worldwide, the megachain prides itself on the fact that its cooks meticulously inspect each individual piece of chicken before it is seasoned, floured and pressure-cooked.

Burger King: The Whopper

True, at Burger King you can "have it your way." But it seems as though customers are more than happy sticking to the fast-food chain's tried-and-true Whopper formula. This straightforward quarter-pounder comes with all the classic fixins: juicy tomatoes, fresh lettuce, creamy mayonnaise, ketchup, crunchy pickles and sliced white onions on a soft sesame-seed bun.

Denny's: Build Your Own Grand Slam

It turns out the breakfast-all-day crowd spans far and wide. At Denny's, where the most-popular menu item is the Build Your Own Grand Slam, diners customize their plates around the clock with a choice of two fluffy buttermilk pancakes, two eggs cooked to order, two sizzling bacon strips and two sausage links. No wonder it's been said that all the best things in life come in twos.

Taco Bell: Crunchy Taco

Of the roughly 2 billion tacos ordered at Taco Bell each year, the most-popular item is the Crunchy Taco, which can be ordered a la carte and famously cost just 19 cents on the original menu in 1962. Though it's been served the same way since then (a basic trio of seasoned ground beef, shredded cheddar and chopped lettuce), it has spawned countless variations, such as the Doritos Locos Tacos, which launched in 2012.

Wendy's: Dave's Single

Dave's Single is Wendy's most-popular main, not to mention an all-around classic and menu staple. Just as Wendy's founder, Dave Thomas, intended, Dave's Single is made with a juicy quarter-pound of fresh beef. The burger is dressed with crinkle-cut pickles, sliced tomatoes, sweet onions, lettuce, melted American cheese, and ketchup and mayonnaise, all on a warm toasted bun &mdash the same way it's been served since its introduction in 1969.


America's Best Chain Restaurants

Choosing your favorite casual-dining chain restaurant is serious business. The options are plentiful and there’s much to consider from food quality to value for money. Endless choice, super-sized portions, and friendly faces can be very persuasive. It’s no big surprise then that The Cheesecake Factory is the nation’s favorite casual-dining restaurant according to an annual survey conducted by Market Force Information, a customer experience management firm.

This is the second consecutive year that the popular chain, known for its extensive menu and cheesecake options, has landed in the survey’s top spot. With a selection of more than 200 items, including 50 desert options, and plates so generous almost everyone leaves with a doggie bag, The Cheesecake Factory ranked a clear first earning 7.3% of the vote share, more than double the 3.2% scored by runner-up Texas Roadhouse. Olive Garden came in at No. 3 spot with 2.8% of votes.

More than 4,500 consumers from the firm’s 300,000 strong stable of independent mystery shoppers voted for their favorite chain from a list of 51 casual-dining restaurants in the August survey. Votes were weighted against the number of restaurant locations per chain to account for the fact that certain brands are less prevalent than others. “A respondent’s ability to select a certain restaurant depends on whether there’s even an outlet in their area,” said Market Force’s Senior Vice President of Customer Knowledge, Cheryl Flink. “If they haven’t been, they can’t make a decision on how much they like that chain.”

To understand why a certain brand fared better than another, respondents rated them by the following attributes: quality of food, taste of food, speed of service, friendly service, cleanliness, overall value, atmosphere, child-friendliness, healthy choices, and green/sustainable practices.

When patronizing casual-dining restaurants, which fall in between fine-dining eateries and fast food joints, the taste and quality food is most important to the diner, according to restaurant and food industry consultant, Bob Sandelman. Notably, the top 3 favorites chains all scored very well in these categories. “Eating out is a considered purchase, often a special occasion, so people need to make sure the food is going to be worth it,” said Sandelman.

But good food isn’t always enough the menu needs to be innovative too. “A lot of consumers tire of restaurants when those chains fail to keep up with changing consumer preferences,” explained Sharon Zackfia, a restaurant analyst at William Blair & Company. By revising its menu and adding new dishes and concepts every six months, the Cheesecake Factory is a prime example of a chain that innovates to keep consumers coming back. “There are no inherent limitations in it’s concept,” said Zackfia, “they have to have cheesecake, but otherwise they can go anywhere with their food.”

Service is second most important in the mind of the diner, but it’s also inextricably linked to the food. According to Flink, “people are tolerant about speed of service if the food is very, very good. If they’ve waited 10 minutes more than they think they should have, and the food is bad, you’ve got a double whammy: bad food, bad service – no one’s happy.”

Then there’s atmosphere. Casual-dining eateries are popular choices for celebrations, so a lively environment makes all the difference between a mediocre meal and a great one. Decked out with jukeboxes, Wild West accoutrements and even line dancers, it’s no surprise that Texas Roadhouse was an extremely high-scorer in this category.

Though with an entirely different feel, Italian-American chain Olive Garden also wooed diners with its great atmosphere. According to Zackfia, the chain’s unique strength lies in creating a widely appealing experience. “It’s accessible to everybody,” she said, “white collar, blue collar, senior citizens, teenagers on date.”

Value however, didn’t appear to have much impact on how respondents voted. None of the top 3 favorite eateries featured among the top scorers for overall value.

“Value is often about lots and lots of food for few dollars,” said Flink. Logically, Golden Corral (which holds the No. 11 spot), a reasonably priced, all-you-can-eat buffet restaurant was the highest scorer in this category. But quantity says nothing about quality. Respondents were decidedly less enthusiastic about the taste and quality of Golden Corral’s seemingly boundless offerings.


4. Romano’s Macaroni Grill

Founded by Philip Romano near San Antonio in 1989, Macaroni Grill now has more than 200 locations nationwide and in countries including Egypt, Mexico, and Japan. The menu features a nice selection of antipasti, salads, flatbreads, a “create your own pasta” option, Italian-American classics, entrées including chicken Marsala and Calabrese steak, and “Braisers” including a giant pork shank with Marsala wine and mushrooms. While the menu is a bit more traditional red sauce Italian than its more outside-the-box competitors, they stay current with a ‘Lite’ menu of under 600 calorie items and rotating seasonal specials. They also offer catering, gift cards, and online ordering.